The Beginning

    Compartilhe
    avatar
    Hack
    Admin

    Mensagens : 322
    Data de inscrição : 28/12/2014

    The Beginning

    Mensagem por Hack em Sex Jan 09, 2015 8:03 pm





    O ônibus escolar amarelo que levava os alunos da sexta série do colégio interno St. Expedite estacionou logo em frente ao Metropolitan Museum of Art. Pela janela, Dennis observou o museu sem muito interesse.

    Há poucos dias, o museu havia anunciado a grande e magnífica exposição sobre a Grécia Antiga que estava percorrendo o mundo com suas relíquias e ficaria apenas em exposição por uma semana ali.

    Parecia muito interessante. Só que não.

    A professora escolhida para ser a guia durante a excursão era, nada mais, nada menos que a Sra. Hellman’s. Sim, tipo, a maionese. Era uma velha gorda, de óculos fundo de garrafa e os cabelos cinzas e sebosos presos num coque. Dennis nunca tinha gostado dela. Ela cheirava à maionese vencida e, quando sorria, mais parecia um bicho. A Sra. Hellman’s também não ia lá com a cara do rapaz, mas Dennis estava acostumado com aquilo. Ninguém ia com a sua cara.

    Os alunos levantaram-se de seus assentos, formando uma fila indiana para descer do ônibus. Perdido em seus pensamentos de como nunca mais havia comido sanduíche de mortadela com maionese Hellman’s depois do dia em que conheceu a Sra. Hellman’s, Dennis não notou que os colegas já tinham saído do automóvel.

    A Sra. Hellman’s brotou ao lado de Dennis, cutucando-o na cabeça com uma régua de madeira.

    — Ande, capetinha!! — disse, tão doce, mas tão doce que Dennis até teve vontade de vomitar.

    O rapaz se ergueu, foi até a porta e pulou para fora do ônibus. Muitos outros ônibus amarelos estavam estacionados pelo lugar, que estava lotado de grupinhos de alunos das mais diferentes séries e escolas.

    Distraindo-se por um breve momento, Dennis deu uma olhada pelo lugar em busca de alguma gatinha de seu interesse. Tinha de encontrar alguma distração naquela excursão ou era capaz de morrer de tédio.

    Como se lesse a mente do rapaz, a Sra. Hellman’s bateu com a régua na cabeça dele, partindo-a em dois.

    — Comporte-se!! Nada de se envolver em atos de luxúria nem nada de explodir ou incendiar coisas, está ouvindo, capetinha?! — gritou a professora, quase deixando Dennis surdo.

    “Nada de explodir ou incendiar coisas...”

    Sim. Dennis tinha a incrível capacidade de tacar fogo nas coisas, mesmo que sem querer. Já havia incendiado dois de seus colégios antigos, explodido um outro e tacado fogo no cabelo da última professora que havia quebrado uma régua de madeira em sua cabeça. Coisas do tipo aconteciam sem explicação alguma. Durante excursões, principalmente. Sempre acabava se metendo em alguma encrenca ou explosão, sendo obrigado a rezar o terço umas duzentas e poucas vezes ajoelhado no milho. Um saco, se quer saber.

    Diziam que era possuído por um demônio...ou que era um demônio. Ou que era filho do demônio ou o próprio demônio, coisas assim. Dennis já tinha perdido a conta das vezes em que tentaram benzê-lo ou exorcizá-lo.

    Esperava não incendiar o museu durante a excursão, mas, com a sorte que tinha, provavelmente acabaria explodindo o lugar inteiro antes que se desse conta disso.

    Com uma nova régua de madeira tirada sabe-se lá da onde (Dennis realmente não queria saber daonde a Sra. Hellman’s havia tirado aquela régua...mesmo.), a Sra. Hellman’s cutucou Dennis, forçando-o a andar. A fila de alunos do St. Expedite seguia rumo à entrada do museu, prontos para começar sua excursão super emocionante sobre a Grécia Antiga!!!111onze!!1

    ~

    (Façam seus personagens chegando no museu, saindo de seus ônibus escolares e indo até a entrada do lugar. Não precisa criar uma professora do mal nem nada do tipo, mas podem fazer uma pequena introdução se quiserem...utilizem seus personagens novatos para isso! Lembrem-se: os veteranos já estão no Acampamento!)




    avatar
    Cah

    Mensagens : 160
    Data de inscrição : 28/12/2014

    Re: The Beginning

    Mensagem por Cah em Sex Jan 09, 2015 8:18 pm

    Metropolitan Museum of Art. Tudo o que Ryan conseguiu ver depois de sair do ônibus lotado de crianças da sua idade (todas gritando e se batendo como se fosse o fim do mundo) foi... um museu. Talvez a palavra "museu" nem tivesse passado pela sua cabeça. Tudo que pensava era "chato, chato, chato, quero sair daqui, chato chato". Tinha sido ideia da sua tia Sara enfiá-lo em um colégio particular "só para o sobrinho passar um tempo, se ele quisesse poderia voltar a ficar em casa, mas às vezes é bom sair para pegar uma corzinha". Sim, sua tia era cheia de vontades.

    Ryan suspirou.

    A princípio acho que ir para a escola era um saco. Não suportava estudar. Depois pode se contentar com a ideia de que iria lá só para se divertir (era sua tia que estava pagando mesmo). Mas.... ninguém tinha dito que ele seria obrigado a estudar. Olhar para a imensa construção na sua frente, mesmo que nenhum professor tenha dito ainda "Façam um relatório depois contando tudo o que foi dito", dava-lhe à certeza de que tinha entrado numa fria.

    Muito contrariado, Ryan começou a subir os degraus do museu, pensando em como poderia deixar a tarde pelo menos um pouco divertida.
    avatar
    Nate

    Mensagens : 98
    Data de inscrição : 30/12/2014

    Re: The Beginning

    Mensagem por Nate em Sex Jan 09, 2015 8:38 pm

    Allen odiava a cidade. Odiava a correria das pessoas, odiava as buzinas desnecessárias dos automóveis e principalmente do quanto era abafado ficar na companhia de tanta gente enquanto andava nas calçadas da cidade. Odiava tudo isso, mas era preciso pelo bem de sua mãe. Faz mais de anos que ela está doente. O jovem nunca soubera o nome da doença, e nem se preocupava com isso. Era ele quem comprava os remédios, mas nem percebia quando pegava um para o estômago e outro para dor de cabeça. "Se todos são remédios então qualquer um serve, certo?" pensava enquanto pegava os mais diferentes tipos de embalagens em uma farmácia.

    Após sair do local, avistou um grande movimento na frente de um museu, vendo os ônibus escolares o garoto acreditou em aquilo ser uma excursão escolar. Definitivamente não queria passar por ali perto, mas era o caminho mais curto se quisesse sair da cidade.

    Allen tentou atravessar a calçada o mais longe possível da multidão, e justo quando pensava que conseguiria chegar ao outro lado sem ser incomodado, um grupo de crianças composto por mais ou menos 40 alunos veio correndo em sua direção, o arrastando junto para a entrada do museu.
    avatar
    Lucs

    Mensagens : 16
    Data de inscrição : 01/01/2015

    Re: The Beginning

    Mensagem por Lucs em Sex Jan 09, 2015 8:50 pm

    Trisha estava particularmente entediada. Havia pensado seriamente em ficar no internato, visto que a visita ao Metropolitan Museum of Art era totalmente opcional, mas sua curiosidade a havia obrigado a vir. Infelizmente, seus amigos decidiram ficar para trás e ela acabou ficando sozinha. Cobrou-se de dar uma bronca em Elizabeth e Carter quando voltasse do passeio. Sinceramente, as coisas não estavam tão ruins, apesar de solitária, ele estava encostando os braços no banco da frente e pensando um pouco. Adorava refletir. Contudo, Martha e Rose logo vieram lhe irritar.

    Estas duas garotas eram o estereótipo da perfeição: loiras, olhos verdes, branquelas, pele perfeita, corpo perfeito e ricas. Trisha não era nada disso e elas acreditavam que isso era motivo suficiente para irritar a jovem. Apesar de estar revoltada com ambas, limitou-se a expressar sua raiva através da face, mas nada disse. Após minutos de zoação, as garotas desistiram e a deixaram sozinha de novo. - Idiotas...- Sussurrou. Ela respirou fundo e esperou chegar até o seu destino.


    Quando finalmente o ônibus escolar parou, Trisha ficou boquiaberta diante do tamanho do museu. Ela já esperava que fosse algo grande, mas era colossal, muito maior do que havia imaginado. Ela é a última a sair do transporte, visto que estava no fundão, o lugar dos derrotados sociais, mas isso não pareceu lhe incomodar verdadeiramente. Posicionando os braços atrás das costas, hábito de quando estava nervosa, a garota seguiu o grupo do internato, mas sem ficar próxima demais desses.

    Olhando ao redor, ela pode ver o quanto o lugar estava cheio. Quem sabe ela não encontrava alguém diferente e fizesse amizade que não a julgasse por condições financeiras ou tem de pele? Seria ótimo e, se tivesse sorte, seu déficit de atenção certamente a levaria àquilo. Acontecia sempre, nunca se concentrava por muito tempo e era muito agitada, então era frequente que Trisha vivenciasse situações inusitadas. Perdida em pensamentos, a garota acabou ficando um pouco para trás, mas correu afim de alcançar sua turma.
    avatar
    John

    Mensagens : 29
    Data de inscrição : 28/12/2014
    Idade : 22

    Re: The Beginning

    Mensagem por John em Sex Jan 09, 2015 8:59 pm



    As Heathers, como era conhecido o grupo das garotas mais populares da Tinity School de Manhattan, tomavam o segundo andar inteiro do ônibus particular que a escola contratara. Elas eram três. Yumiko, Madison e Marsha eram as garotas mais queridas, invejadas e desejadas do colégio. Os alunos queriam beija-las, mata-las ou ser elas. E ela sabiam muito bem disso.

    — Ai, gentch, é meixmooo necessário esse passeio? Tipo, quem gosta de museu? Só gente velha né, não? Tipoo assim .... odeio gente velha, então aqui não é meu lugar, tipo... – reclama Madison, enquanto gira suas mexas loiras com os dedos. A garota tomava dois lugares do ônibus, esparramada sobre os assentos.

    — O problema é que vale nota, né, Mad. – aponta Marsha, sem tirar os olhos do espelho que usava para maquiar sua pele escura. Seu batom era de um vermelho vibrante. – E o foda de estudar em um colégio caro assim é que até os professores são ricos. Aí complica um pouco o suborno... Né não, Yumi? Que tu acha?


    — Hm, eu? – pergunta a garota com traços orientais. A fala de Marsha havia a tirado de um transe. Ela para de olhar através da janela e se levanta de seu assento. – Odeio história. Mas vai que a gente acha um guia gatinho pra usar? Hahahaha. Adoro usar e abusar dos pobres.

    As outras duas morrem de rir e concordam com o comentário de Yumi.

    Não muito tempo depois, o ônibus para de se mover e as garotas estão prontas para partir.

    — Prontas, Heathers? – pergunta Yumi, colocando os óculos escuros decorados com diamantes.

    – Heathers estão sempre prontas. – completam Madison e Marsha, em uníssono.

    As três então começam a descer as escadas do ônibus. Quando a porta do povo do primeiro andar tenta ser aberta por um dos alunos, Marsha a chuta, lançando o menino longe e fechando-a de vez. Era a vez das Heathers passarem. Ninguém roubaria delas a atenção dos holofotes.

    Desfilando como modelos endeusadas, as três caminham fazendo pose até a entrada do museu, sem esperar por professor algum. Elas eram donas de tudo. Inclusive do museu.

    avatar
    Bivi

    Mensagens : 236
    Data de inscrição : 28/12/2014

    Re: The Beginning

    Mensagem por Bivi em Sab Jan 10, 2015 4:50 am

    Enquanto a maioria dos alunos da Ross School conversavam e faziam bagunça dentro do ônibus, Elisa era uma das poucas - senão a única - que parecia prestar atenção nas ruas de Nova York. Seus olhos estavam fixos na movimentação da cidade. Gostava desse tipo de passeio, principalmente porque era muito curiosa e se interessava em aprender mais sobre diversos assuntos.

    Já que a sua atenção literalmente se encontrava do lado de fora do ônibus, era como se a garota nem estivesse dentro do veículo. Com o rosto quase que grudado na janela, a jovem escutava uma de suas amigas, Ginger, tagarelar ao seu lado.

    — Alô? Elisa? Você está me ouvindo? — Indagou Ginger, cruzando os braços. — Odeio quando você fica nesse transe. Até parece que você está em outro mundo!

    — Hã? Ah, desculpe! — Elisa desviou o olhar para a amiga e deu um sorrisinho. — Eu estava te ouvindo.

    — Então se prepare para descer! — Disse a outra, logo após se levantando. — Nós já chegamos.

    Como assim, já haviam chegado? Elisa deu uma rápida olhada através da janela e só então percebeu que o ônibus havia parado. Também percebeu que quase todos os seus colegas já estavam na frente do museu.

    A fim de acompanhar os outros, a garota se levantou rapidamente, batendo a cabeça no compartimento para malas do ônibus.

    — Ai! — Gemeu, tocando o local atingido. Ginger apenas revirou os olhos.

    — Sabe, eu não sei até hoje como você ainda não perdeu a cabeça... Vamos.

    As duas saíram do ônibus e se juntaram com o restante dos alunos. Elisa olhava ao redor, igualmente curiosa e intrigada com a quantidade de estudantes ali presentes. Não esperava tantas pessoas.
    Sendo assim, ela tratou de se manter próxima do seu grupo. Afinal, do jeito que era, acabaria se perdendo na menor chance.
    avatar
    Hack
    Admin

    Mensagens : 322
    Data de inscrição : 28/12/2014

    Re: The Beginning

    Mensagem por Hack em Sab Jan 10, 2015 9:06 pm




    Os grupos de alunos seguiram rumo ao museu, entrando no mesmo. Eram muitos os visitantes. Não apenas alunos, mas também famílias que estavam a passeio.

    Dennis sentiu-se atordoado com tanta gente. Foi então que avistou uma linda mulher de cabelos cacheados dourados, coroa de louros na cabeça, utilizando uma túnica branca grega e sandálias.

    — Ah, olá! Então, querem dar uma voltinha pela incrível Grécia Antiga?

    Dennis encarou a moça por longos segundos, babando. Iria pra qualquer lugar com aquela mulher, até pro inferno.

    — Venham, me sigam! — ela acenou, sorridente.

    Houve um empurra-empurra para todos irem atrás da linda guia. Graças a deus, Dennis era alto. Sem perder a mulher de vista, conseguiu se esquivar e chegar até ela, seguindo-a para o corredor que dava para a exposição anunciada por todos os lugares. Havia se distanciado do grupinho do St. Expedite, mas não estava nem aí. Tinha conseguido ficar com a guia e isso era tudo o que importava.


    ~

    (Encantados pela guia que apareceu, os personagens farão de tudo para segui-la, deixando até mesmo sua turma para trás!)



    avatar
    Cah

    Mensagens : 160
    Data de inscrição : 28/12/2014

    Re: The Beginning

    Mensagem por Cah em Sab Jan 10, 2015 9:23 pm

    Ryan olhava para todos os lados, pouco se importando com as quinquilharias de mil anos lá expostas. Procurava algo divertido para fazer, algo que faria com que o longo e entediante percurso de vinda valesse a pena.

    Havia muitas pessoas no local. Pelo jeito não foi só a professora de sua turma nova que teve a infeliz ideia de passar o dia naquele lugar chato. O garoto se aproximou de um grupo que olhava alguns objetos expostos atrás do vidro.

    -Mas que pena. - suspirou. -Bem quando achei que podia achar algo interessante pra minha coleção...

    Todo aquele vidro atrapalhava. Havia até guardas de segurança que tentavam olhar por cima de toda aquela gente e garantir que nada era danificado.

    Foi quando Ryan escutou a voz da bela guia.

    Não foi a moça que chamou a atenção do menino, mas o amontoado de gente que se apunhalava para segui-la. Onde tem muita gente, sempre tem confusão. Um sorriso travesso apareceu em seu rosto. Talvez ele não conseguisse roub-... encontrar artigos para sua coleção ali, mas com certeza acharia coisas interessantes nos bolsos daquelas pessoas distraídas.

    Com a maior alegria do mundo, Ryan começou a seguir a guia.
    avatar
    Bivi

    Mensagens : 236
    Data de inscrição : 28/12/2014

    Re: The Beginning

    Mensagem por Bivi em Sab Jan 10, 2015 9:26 pm

    Elisa se sentia perdida em meio a tantas pessoas. Mesmo tentando se manter perto do seu grupo, havia um certo empurra-empurra que a distanciou dos outros.

    — Ah, droga.. — Murmurou a garota, tentando encontrar os seus colegas novamente.

    Nisso, acabou avistando uma mulher que parecia ser a guia da excursão. Talvez se a seguisse, acabaria reencontrando o seu grupo. Seguindo essa linha de raciocínio, Elisa seguiu a mulher.
    avatar
    Lucs

    Mensagens : 16
    Data de inscrição : 01/01/2015

    Re: The Beginning

    Mensagem por Lucs em Sab Jan 10, 2015 11:18 pm

    Trisha sofria para acompanhar o grupo do internato, visto que havia uma quantidade absurda de gente no museu. Isso por si só já era mais do que suficiente para tirar a garota do sério. Ela decide, então, ficar para trás e explorar o lugar sozinha, certamente ninguém notaria sua ausência e uma vez que o passeio era totalmente opcional, não importava muito se ela ouvisse o que o professor responsável estava falando. Após se afastar do lugar mais apinhado de gente, ela começa a observar algumas peças da mostra até que sua atenção é desviada pelo chamado de uma mulher.

    A adolescente riu ao observar as vestes da mulher: túnica grega e coroa de louros. "Sério mesmo?" Pensou. "Tudo bem que a pessoa estivesse trabalhando na exposição de peças da Grécia Antiga, mas aquilo era bem desnecessário". Fascinada pela forma como a mulher havia arrancado-lhe um sorriso, Trisha decidiu segui-la, mesmo que só quisesse continuar debochando mentalmente dessa. Ela parecia ser uma guia comum interpretando, muito mal, o papel de uma grega. Dando de ombros, a garota vai em direção ao local indicado pela loira, junto de um grupo de pessoas que também haviam atendido chamado.
    avatar
    John

    Mensagens : 29
    Data de inscrição : 28/12/2014
    Idade : 22

    Re: The Beginning

    Mensagem por John em Sab Jan 10, 2015 11:32 pm



    Os alunos da Trinity School não eram muitos, mas parecia que o passeio não era exclusivo do renomado centro de ensino.

    — É feira, é? Por que a Trinity não reservou o museu só pra gente? – pergunta Yumi, indignada com a quantidade de crianças no museu.

    — Ai, tipo assim, quanta gente.... Tipo, vou pegar alguma doençam... – reclama Madison, tentando não encostar nos alunos de outras escolas. – Esses pivetes devem estar cheios de piolho, tipo assim... que nojooo.

    — Se algum desses pirralhos encostar em mim, vai se arrepender de ter nascido – ameaça Marsha, olhando com desprezo para os menores.

    E então acontece algo pior do que as garotas temiam. Um aluno da Ross School pisa, sem querer, no sapato de Marsha, causando a ira da garota.

    — GAROTO, VOCÊ VAI MORRER! – grita ela, cuspindo no processo.

    O garoto faz uma careta e corre. Marsha imediatamente empurra todos em seu caminho para ir atrás do garoto, preparando suas unhas enormes para enfiar na cara dele. Madison vai atrás, preocupada.

    — Marsha, tá doida? – diz, enquanto segue a morena. – Vai que ele tem alguma doença! Para!!

    Yumi se inclina para segui-las, mas sua atenção se volta para a guia com trajes típicos da Grécia antiga. Por alguma razão, a mulher a atraía de forma quase que sobrentural. Como se tivesse enfeitiçada, Yumi a segue.

    avatar
    Hack
    Admin

    Mensagens : 322
    Data de inscrição : 28/12/2014

    Re: The Beginning

    Mensagem por Hack em Sab Jan 10, 2015 11:57 pm




    A mulher seguiu na frente. Dennis apressou o passo para acompanhá-la, um sorrisinho idiota na cara.
    A guia conduziu-os por grandes galerias cheias de ecos, passando por estátuas de mármore e caixas de vidro repletas de cerâmica muito velha preta e laranja.

    — Estes vasos sobreviveram há dois, três mil anos. Fascinante, não?

    Tudo o que Dennis conseguiu foi falar um "hãã", distraído com a beleza da moça.

    O passeio continuou pelo que parecia eternos segundos. Ninguém pareceu notar que o museu ficara subitamente silencioso, ou que eram os únicos ali.

    No fim do corredor, uma porta. A guia a abriu, dando para um grande salão com uma grande estátua no seu centro.






    A mulher caminhou até a mesma, parando logo em baixo das sete cabeças de mármore. Virou-se para as crianças, perguntando num sorriso:

    — Certo...alguém pode me dizer do que se trata essa estátua?



    avatar
    Bivi

    Mensagens : 236
    Data de inscrição : 28/12/2014

    Re: The Beginning

    Mensagem por Bivi em Dom Jan 11, 2015 12:04 am

    Elisa observava os objetos expostos com certo interesse. Não havia percebido quanto tempo se passou enquanto a guia levava os alunos pelos corredores.

    Quando se depararam com a enorme estátua no centro do salão, a garota ficou boquiaberta por alguns segundos. Além de ser grande, era uma estátua muito bem feita.

    — Acho que sim... — Elisa se pôs a responder a mulher, dando um sorrisinho simpático. — É uma Hidra, não? Já li algumas coisas sobre essas criaturas.
    avatar
    Cah

    Mensagens : 160
    Data de inscrição : 28/12/2014

    Re: The Beginning

    Mensagem por Cah em Dom Jan 11, 2015 12:14 am

    Enquanto andavam, Ryan pescava o que conseguia das bolsas dos turistas distraídos. Lápis, alguns bloquinhos de anotações, estojos encardidos...nada muito interessante. Toda vez que conseguia alguma coisa ele disfarçava, parava e esperava a vítima ter se distanciado alguns passos. Então ele agachava em algum lugar que não chamava atenção e abria a própria bolsa de escola, jogando o objeto lá dentro. Repetiu esse processo meia dúzia de vezes até que percebeu que todos tinham parado diante de uma estátua. Estavam conversando mas Ryan não havia prestado atenção de ínicio. Ah que ótimo!. Com todos parados seria um pouco mais difícil continuar o que estava fazendo...
    avatar
    John

    Mensagens : 29
    Data de inscrição : 28/12/2014
    Idade : 22

    Re: The Beginning

    Mensagem por John em Dom Jan 11, 2015 12:19 am



    Yumi continua a seguir a guia e o pequeno grupo quase que automaticamente. Ela observava os objetos gregos com certa admiração, mas dava graças à deus por ter nascido em tempos modernos, onde os produtos de beleza eram bem mais acessíveis e eficientes. Só de ver uma estátua de uma mulher com a barriga flácida causa arrepios na garota. "Não tinha nutricionistas e personal trainers nessa época, não?", pensa.

    A guia então faz uma pergunta para o grupo e, embora soubesse a resposta, Yumi não preferiu não responder para não parecer uma CDF indesejada.

    avatar
    Hack
    Admin

    Mensagens : 322
    Data de inscrição : 28/12/2014

    Re: The Beginning

    Mensagem por Hack em Dom Jan 11, 2015 12:38 am




    A guia voltou seu olhar para Elisa, satisfeita com sua resposta.

    — Isso mesmo. Esta é a Hidra de Lerna, um monstro com corpo de dragão e sete cabeças de hálito venenoso. Linda, não é?

    Dennis assentiu a cabeça. É claro que não prestava atenção alguma na estátua, apenas na mulher. Nem sequer percebeu quando uma das cabeças se mexeu e olhou para ele e...

    Espera aí...

    — Muito bem, crianças. Espero que tenham gostado da nossa excursão... Foi um prazer imenso guiá-los durante esse passeio. E, agora... sejam bons semi-deuses e morram quietinhos, ok?

    A porta do salão se fechou num estrondo. Dennis soltou um gritinho agudo e pulou no colo de Yumi, abraçando seu pescoço.

    A estátua de Hidra ganhou vida. Suas escamas uma vez pálidas e sem cor brilharam enquanto o monstro descia do seu pedestal, esticando as pernas grossas e as garras brilhantes. Suas sete cabeças encararam o grupo de alunos com um brilho malévolo e faminto em seus olhos, curiosas para saber qual gosto cada criança teria.

    A guia riu, seus dentes perfeitos e brancos transformando-se em presas amareladas, suas unhas bem-feitas transformando-se em garras. Ela sorriu que nem um bicho, lambendo os beiços com sua língua bifurcada.

    — Vamos, filhinho... Bon Appétit!!

    As sete cabeças emitiram um barulho horrendo, como um rosnado, que fez a sala toda tremer. Logo em seguida, já tinha partido na direção das crianças mostrando suas enormes e afiadas presas, sibilando ameaçadoramente.



    ~


    (Nota: os meio-sangues não possuem suas armas ainda! Também são os únicos que estão na sala, além da "guia" e da Hidra! Também há algumas pilastras, estátuas e outras exposições espalhadas pelo local.)






    Última edição por Hack em Dom Jan 11, 2015 12:52 am, editado 1 vez(es)
    avatar
    Bivi

    Mensagens : 236
    Data de inscrição : 28/12/2014

    Re: The Beginning

    Mensagem por Bivi em Dom Jan 11, 2015 12:52 am

    Elisa arregalou os olhos quando viu a Hidra ganhar vida. Nunca pensou que veria tal criatura sem ser em livros ou até em estátuas, mesmo que já tivesse sido atacada por monstros antes. O rosnado das sete cabeças foi o o que tirou a garota do estado de choque: precisava correr.

    Sem pensar duas vezes, ela correu para trás de uma pilastra. Aquilo serviria como esconderijo até que tivesse uma chance de fugir.
    avatar
    Cah

    Mensagens : 160
    Data de inscrição : 28/12/2014

    Re: The Beginning

    Mensagem por Cah em Dom Jan 11, 2015 12:54 am

    O garoto fuçava sua mochila alheio à tudo o que acontecia na sala. Até ouvir o barulho das portas se batendo.

    -...O quê?

    Foi tudo o que conseguiu dizer. Ao se virar notou que a estátua enorme que todos estavam contemplando minutos antes não estava mais lá. Ou melhor, havia um monstro enorme no lugar dela. Quando as cabeças rugiram, Ryan ficou paralisado. Seu coração batia apressado. Como algo tão grande e... Bem, mortífero podia ser real? Mas não era tempo para ficar agindo como um bebê. Ryan se obrigou a ficar firme e esperar o ataque do monstro. Suas pernas tremiam. Elas nunca parecem estar mais preparadas para correr do que aquele momento. Ele tinha que ser muito rápido se quisesse sobreviver.
    avatar
    John

    Mensagens : 29
    Data de inscrição : 28/12/2014
    Idade : 22

    Re: The Beginning

    Mensagem por John em Dom Jan 11, 2015 1:01 am



    A guia encerra a excursão e Yumi fica se perguntando o porque de ter se separado de seu grupo. Onde estariam as outras Heathers agora?

    — Como assim? O que 'cê quer dizer com semideus? Como assim morram? – pergunta, estendendo a mão em um sinal de incredulidade.

    E aí a estátua ganha vida. Yumi observa a fera se movendo sem entender mais nada.

    — Que tipo de tour é esse? Já acabou? Qual é a do holograma? – indaga ela para os outros, fazendo caras e bocas de indignação e confusão. – Que palhaçada. Eu vou processar esse museu.

    avatar
    Hack
    Admin

    Mensagens : 322
    Data de inscrição : 28/12/2014

    Re: The Beginning

    Mensagem por Hack em Dom Jan 11, 2015 1:08 am




    O monstro investiu. Uma cabeça tentou abocanhar Ryan, enquanto outra tentou abocanhar Yumi. A cabeça que prestava atenção em Elisa inclinou-se levemente para o lado, confusa, sem saber onde a garota havia ido parar. Pelo jeito, a Hidra não possuía uma boa visão.

    Antes que o monstro engolisse Yumi numa só mordida, Dennis gritou o mais alto que pode:

    — EU VOU TE SALVAR, GATINHA!!

    Num ato heróico, o ruivo lançou-se em cima da garota, derrubando-a no chão. Aquela cabeça bateu com o focinho no chão, choramingando. Uma outra cabeça manteve o olhar em Yumi e Dennis, pronta para atacar novamente.

    avatar
    John

    Mensagens : 29
    Data de inscrição : 28/12/2014
    Idade : 22

    Re: The Beginning

    Mensagem por John em Dom Jan 11, 2015 1:15 am



    Yumi via o desespero dos outros sem nem entender o porquê. Ela observa uma das cabeças da hidra se aproximando e então sua visão é alterada repentinamente para mostrar o chão. O corpo do moleque desconhecido sobre o dela foi a gota d'água.

    — O QUE VOCÊ PENSA QUE TÁ FAZENDO, SEU RETARDADO? – grita ela, empurrando o garoto para longe. Em seguida, a garota se reergue com dificuldade. Ainda se recuperava do choque. – Isso é algum tipo de pegadinha? MARSHA, FOI VOCÊ QUE BANCOU ISSO, NÉ, PALHAÇA? EU VOU TE COLOCAR NO LIVRO DO ARRASO!

    avatar
    Cah

    Mensagens : 160
    Data de inscrição : 28/12/2014

    Re: The Beginning

    Mensagem por Cah em Dom Jan 11, 2015 1:25 am

    Estava vindo. Suas pernas tremiam. Procurou contar enquanto mantinha os olhos grudados na cabeça que se aproximava. 1. O monstro vinha para cima dele com a boca escancarada. 2. Os dentes enormes e pontiagudos. Ryan podia sentir o bafo horrível e começou a ter náuseas. 3!

    Em frações de segundo, o garoto rolou para a direita segurando seu chapéu firme na cabeça. Os dentes passaram tão próximos que Ryan ficou se perguntando se ainda tinha todos os dedos.

    -Ah mas que droga! -gritou. Sabia que tinha se saído muito bem na primeira desviada contra um monstrengo mitológico, mas não podia ficar fazendo isso para sempre. -Temos que matar essa coisa!
    avatar
    Bivi

    Mensagens : 236
    Data de inscrição : 28/12/2014

    Re: The Beginning

    Mensagem por Bivi em Dom Jan 11, 2015 1:25 am

    Elisa respirou fundo e, ainda escorada na pilastra, deu uma olhada na Hidra. Não fazia ideia do que estava se passando. A história de "semideuses" ficou martelando em seus pensamentos. Mas aquele não era o momento para refletir.

    A garota saiu de fininho em direção a porta, próxima ao restante do grupo, esperando que a criatura não os comesse vivos.

    — Pessoal, não acho que essa seja uma boa hora para brigar. — Comentou, seus olhos fixos nas cabeças do monstro.
    avatar
    Hack
    Admin

    Mensagens : 322
    Data de inscrição : 28/12/2014

    Re: The Beginning

    Mensagem por Hack em Dom Jan 11, 2015 1:48 am




    — O-Ouch!! — Dennis choramingou, esparramado no chão. Seu coraçãozinho doía depois do "fora" levado pela gatinha oriental.

    — Morram, filhotes dos deuses!! — rosnou a guia, enfurecida.

    A Hidra gritou. Dennis cobriu os ouvidos, sentindo-se atordoado pelo berro do monstro, que se aproximou perigosamente do grupo, encurralando-os. As cabeças abriram suas bocas, uma névoa verde saindo dali.
    Hálito venenoso.

    Dennis engoliu em seco. Aquele era um ótimo momento para explodir algo sem querer.

    — A-Ah!! Eu sou lindo e jovem demais para morreeeerrr!!!! — gritou, recuando para perto da porta, sem desviar o olhar da criatura. — Sei que sou gostoso, mas m-mesmo assim, não me coma, por favorr!!!

    Desesperado, o ruivo tentou abriu as portas da sala, sem sucesso. Estavam trancadas.
    Ele socou a madeira, gritando por ajuda, mas não recebia resposta.

    Não tinha como fugir dali.

    Dennis voltou-se para o monstro. Tremia sem parar, as pernas bambas. Fumaça saía de sua cabeça - coisa que sempre acontecia quando ficava nervoso demais - e começou a preparar-se mentalmente para sua morte.





    Última edição por Hack em Dom Jan 11, 2015 2:23 am, editado 4 vez(es)
    avatar
    John

    Mensagens : 29
    Data de inscrição : 28/12/2014
    Idade : 22

    Re: The Beginning

    Mensagem por John em Dom Jan 11, 2015 1:56 am



    — Como assim matar? Are you high? – pergunta Yumi para o pequeno Ryan, indignada. – Tu não tá vendo que é um holograma? Aliás, eu sou a única pessoa sensata nesse lugar? Só pode ser uma pegadinha mesmo.....

    A garota se vira contra uma pilastra, escondendo o rosto, bufando de raiva e se perguntando o porquê de ter mudado de guia pra se meter com os CDFs estranhos que ficam fazendo simulação de videogame.

    avatar
    Cah

    Mensagens : 160
    Data de inscrição : 28/12/2014

    Re: The Beginning

    Mensagem por Cah em Dom Jan 11, 2015 2:02 am

    Ryan pegou sua mochila de escola por baixo e despejou todo seu conteúdo no chão. Do que ia lhe adiantar todo aquele material novo (ainda que tenha sido caro) contra um monstro como aquele? Finalmente viu o que procurava: sua bolsa encantada. Sabia que ela era incomum pois seu interior era infinito. Cabia de tudo um pouco lá dentro e ela nunca ficava cheia. Passou rapidamente a alça por cima da cabeça e começou a caçar algo lá dentro, alternando olhares para dentro da bolsa e para a hidra.

    -Aonde coloquei...?

    Foi quando percebeu a presença de Yumi.

    -Matar, é claro! Tem uma ideia melhor?! -Agora remexia sua bolsa com ambas as mãos. -Vem cá, você não teria uma faca ou algo assim com você, teria?
    avatar
    John

    Mensagens : 29
    Data de inscrição : 28/12/2014
    Idade : 22

    Re: The Beginning

    Mensagem por John em Dom Jan 11, 2015 2:09 am



    Uma cabeça avança contra Yumi, mas a garota sai da pilastra bem na hora. A fera atinge a pilastra e a danifica. Yumi dá um pulinho, levando um susto com o som.

    — Ok, é bem realista. Tão de parabéns. – ela bate palmas, cinicamente. – Agora deixa eu ir embora.

    A garota então nota Ryan revirando sua mochila e solicitando uma faca.

    — Garoto, você tem uns sete anos. Quer faca pra quê? Passar manteiga de amendoim no pão?

    avatar
    Bivi

    Mensagens : 236
    Data de inscrição : 28/12/2014

    Re: The Beginning

    Mensagem por Bivi em Dom Jan 11, 2015 2:21 am

    A névoa esverdeada fez com que Elisa andasse para trás até dar de encontro com a porta. Ela bateu na madeira, desesperada.

    — Alguém nos ajude!! — Exclamou. Porém, suas palavras não surtiram efeito algum.

    A garota tornou a fitar a Hidra com medo. As suas mãos e pernas tremiam e a sua respiração estava acelerada. Nunca estivera tão próxima de morrer e aquela possibilidade a aterrorizava. Não era possível que iriam morrer naquele museu.

    Elisa rezava para todos os santos que conhecia. Mesmo sabendo que era praticamente impossível saírem vivos, se agarrava a hipótese de que algo aconteceria. Algo precisava acontecer.
    avatar
    Cah

    Mensagens : 160
    Data de inscrição : 28/12/2014

    Re: The Beginning

    Mensagem por Cah em Dom Jan 11, 2015 10:45 am

    -S-Sete?! -engasgou. -Escuta aqui, eu sou...  Ah! ACHEI!

    Ryan levantava um canivete suíço. Era bonito, todo prateado e com pequenos brilhantes incrustados na lateral. Lembrava-se de sua tia mencionar como aquilo tinha sido passado de geração em geração em sua família, mas o importante era que dentro havia uma mini faca, uma tesoura, um ferro em espiral, uma lixa de unha... Enfim, pelo menos daria para se defender. Poderia lutar. Não teria que morrer intoxicado pela névoa verde que o cercava e...

    O quê.

    O garoto recuou. O que diabos era aquela coisa que a hidra estava soltando? Instintivamente, Ryan cobriu seu rosto com um dos braços. Ele apertou o canivete que estava em sua outra mão, mas a confiança e vontade de lutar já haviam sido substituídos pelo medo. Ele também havia chegado próximo à saída. Não havia mais para onde ir.  Estavam todos encurralados.
    avatar
    Lucs

    Mensagens : 16
    Data de inscrição : 01/01/2015

    Re: The Beginning

    Mensagem por Lucs em Dom Jan 11, 2015 11:01 am

    Trisha estava muito bem, obrigado, seguindo a guia. Apesar de tudo, aquilo conseguia ser mais divertido do que andar com os ricaços do internato Hope of Tomorrow, além disso o ambiente indicado pela mulher era bem mais espaçoso e não havia absolutamente ninguém ali que não o pequeno grupinho de adolescentes. Trisha estava tão satisfeita com isso que nem ao menos estranhou o que estava acontecendo.

    Contudo, quando as palavras SEMIDEUSES e MORRAM entraram na parada, a garota logo franziu as sobrancelhas, sinal de que estava furiosa: - Escuta aqui, branquela... - Estava começando a dizer para a loira, mas a estátua de uma Hidra - informação dada por uma garota do grupo - começou a ganhar a vida e isso foi o suficiente para Trisha decidir esquecer a bronca que iria dar. Inicialmente, a garota tentou voltar a porta por onde entraram e abri-la, mas não deu certo. Quando o monstro começou a atacar, ela escondeu-se atrás de uma réplica de uma urna mortuária.

    Ela ouvia a gritaria causada pelos outros semideuses e isso a deixava louca de raiva, queria que estivessem calados e a deixassem pensar. Já que não conseguia, olhou por cima da urna e viu a Hidra soltando uma névoa esverdeada. A garota não sabia o que era, mas a julgar pela maneira como a ex-guia estava rindo, resolveu recuar, assim como os outros fizeram. Aproximou-se da saída e pegou na maçaneta, girando-a, e tentando abrir a porta.

    Não queria chorar diante dos brancos, eles a julgariam fraca, mas deus, estava com tanto medo. Ela empurrava a porta com força e os olhos já marejavam - Abre, abre, por favor... - Olhou para trás por um segundo e viu a névoa se aproximando ainda mais. - Por favor, abra...

    Conteúdo patrocinado

    Re: The Beginning

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Qua Nov 22, 2017 6:00 pm